• Case Fiat Power Train - FPT

    Case FIAT Power Train

    FIAT PowerTrain Tecnologies simula expansão de duas linhas através do ProModel

    por Eng. Bruno Resende - Engenharia de Processos

"...um projeto de simulação 'catalisa' os esforços de planejamento de uma nova linha ou sistemática produtiva, pois requer informações que trazem à tona aspectos que não haviam sido pensados anteriormente..."

Sobre a empresa

A Com um total de 607.598 veículos emplacados, a Fiat foi líder de vendas de automóveis e veículos comerciais leves no Brasil, em 2007, o que representa uma fatia de 25,9% do mercado brasileiro e um crescimento de 30,5%. Nesse sentido, a FPT espera para o ano seguinte um substancial aumento na demanda de seus produtos, o que exigirá investimentos na área produtiva a fim de acompanhar tal crescimento.

Usar a simulação de processos foi um passo importante para indicar a fonte de gargalos e ociosidades, orientando, assim, seus investimentos. A opção pelo ProModel veio através de um estudo de benchmarking, em que se buscou a ferramenta de simulação cuja modelagem era a mais fácil; com recursos visuais de alto nível e com apresentação de resultados simples e abrangente.

Objetivos e escopo

Modelo de simulação da Fiat Powertrain no Promodel

O objetivo desse primeiro projeto era estudar a linha de usinagem de eixos primários, por ser este um setor crítico e o primeiro a receber investimentos de melhoria.

Na vida real é muito difícil testar diferentes alternativas de melhorias em sistemas de manufatura. Isso porque realizar testes reais nas áreas produtivas tais como mudanças de máquinas, layouts, etc geram perturbações no sistema produtivo, gerando gastos, alocações ineficientes de investimentos e queda de produtividade.

A simulação foi usada para este estudo por ser a ferramenta mais adequada, pois permite entender profundamente todas as variáveis envolvidas no sistema produtivo, tal qual ele está configurado hoje, e, a partir disso, estudar os melhores focos de melhoria, evitando desperdícios nos investimentos e analisando o impacto dessas melhorias antes de colocá-las realmente em prática.

Primeiramente um modelo de simulação do sistema vigente foi construído Cenário do Estado Atual (Cenário 1). Através de análises dos resultados do cenário atual, identificou-se problemas e oportunidades de melhoria nas diversas operações da área, visualizando graficamente, através do ProModel, questões como:

  • Produção horária por operação;
  • Taxas de utilização dos equipamentos;
  • Estoques intermediários;
  • Produções médias diárias, mensais e anuais.

A partir disso, foi possível testar, através da criação de outros cenários, quais seriam as melhores oportunidades de melhorias e o impacto na produtividade que realmente será alcançado. Durante a experimentação foram criados seis cenários diferentes, mesclando melhorias que estão sendo implementadas pela FPT, mudanças no fluxo de processo de algumas operações e melhorias futuras. Possibilitando assim, analisar o impacto de cada melhoria quando aplicada isoladamente e em conjunto.

Resultados e Ganhos

Resultados obtidos através da simulação

Os resultados do cenário do estado atual mostraram que a área só conseguiria atingir a meta de produção, devido ao crescimento previsto para o próximo ano, se trabalhar sem folgas, ou seja, operando 24 horas por dia, sete dias na semana. Tal situação pode vir a comprometer a produtividade, pois o maquinário fica exposto a uma maior fadiga e a uma manutenção preventiva menos freqüente.

As simulações dos cenários onde foram testadas as melhorias que já estão sendo implementadas, mostraram que a produtividade irá crescer substancialmente, caso essas melhorias sejam aplicadas em conjunto. Entretanto, somente estas melhorias não serão capazes de aumentar a produção para atingir a meta do próximo ano, trabalhando-se no ritmo normal de produção.

Em uma linha de produção, sempre que há melhorias em operações gargalos, novos outros gargalos podem surgir em outras operações.

A simulação dos processos é muito eficaz, porque, além de mostrar o impacto das melhorias, é capaz de mostrar também quais serão os eventuais novos gargalos para melhorias futuras. Neste sentido, um último cenário foi também testado para mostrar quais os pontos do processo que devem sofrer melhorias futuras, afim de que a meta de produção seja atingida.

Além dos ganhos inerentes ao projeto, ao se desenvolver um projeto de simulação, uma série de outros ganhos relacionados a mudança de paradigmas na empresa são alcançados. Um projeto de simulação 'catalisa' os esforços de planejamento de uma nova linha ou sistemática produtiva, pois requer informações que trazem à tona aspectos que não haviam sido pensados anteriormente (assim como traz uma maior transparência dos processos realmente adotados no chão-de-fábrica).