• Case Danone

    Case Danone

    Modelagem e Simulação da Operação de Milk-Run - Danone Lácteos

    Marcel Modesto - Gerente de logística - Danone

"Foi uma experiência inovadora e positiva para a Danone implementar o conceito de análise com simulação, pois desta forma conseguimos apurar com maior maestria nossos investimentos, além de eliminar crenças de ineficiências que, na verdade, não existiam no processo"
"... redução em 50% no tempo de permanência dos veículos"

Sobre a empresa

A Danone é uma empresa presente em mais de 70 países e conta com mais de 100 mil colaboradores espalhados ao redor do mundo. É líder em produtos lácteos frescos e ainda ocupa posições de destaque nos setores de água mineral engarrafada, alimentação infantil e nutrição hospitalar.

Motivação e Objetivo do Projeto

Havia um subutilização dos veículos na coleta do leite e uma frota parada por muito tempo dentro da fábrica de Poços de Caldas-MG aguardando a descarga do leite. Por isso, acabava sendo necessária a contratação de veículos adicionais (spots) para dar conta da demanda que a empresa tinha para a coleta do leite nos produtores. Dessa forma os custos aumentavam cada vez mais.

Escopo do Projeto

Uma parceria entre a Danone e a Belge foi firmada para solucionar o problema em questão. Para isso, foram traçados os seguintes objetivos:

  • Identificar as restrições que impediam a racionalização da frota de coleta do leite
  • Propor as ações necessárias para eliminar essas restrições e reduzir os custos logísticos
  • Determinar as adequações e investimentos necessários para o aumento da capacidade da recepção do leite do principal site produtivo da Danone localizado em Poços de Caldas - MG.

Modelo de Simulação:

O modelo de simulação construído pela equipe Belge abordava todos os aspectos da operação de recepção do leite na fábrica de Poços de Caldas. Os processos de portaria, check in de entrada, pesagem dos veículos, pátio de estacionamento, linhas de descarga, cipagem dos veículos, coleta e testes de qualidade foram considerados no modelo.

Operação de Milk-Run no ProModel

Além disso, foram levados em conta diversos detalhes importantes para a construção de um modelo que representasse de maneira realista a operação da Danone, como as rotas dos caminhões, tipos de veículos, operação de lavagem, entre outros.

Resultados e Ganhos

Entre os principais resultados encontrados ao se analisar os resultados da simulação, pode-se destacar:

Em um processo de fluxo complexo é difícil a clara identificação dos gargalos operacionais. O sistema ajuda a modelar e testar hipóteses para tornar claro a restrição. Com baixo investimento em serviço, o principal ganho refere-se à não utilização incorreta de CAPEX. Ou seja, somente investe-se a partir do ponto do claro conhecimento da restrição operacional.

  • Adequação da frota e aumento da utilização dos veículos;
  • Redução da necessidade de contratação de veículos spot para a coleta do leite;
  • Forte redução do tempo de permanência do veículo dentro da planta (mais de 50%);
  • Uma vez identificada claramente a restrição do sistema, a Danone pode tomar a decisão de CAPEX eficiente e ainda auferir os ganhos de produtividade no sistema de milk run (nova redução do tempo de permanência com conseqüente economia no frete).

O ProModel, por simular os ganhos com a solução do gargalo, permite a empresa ter uma visão sobre todos os indicadores do processo do milk run e desta forma ter um pay back model muito mais claro e elaborado para justificar o investimento a ser realizado.

Conclusões

Através desse projetos a Danone pode obter ganhos significativos em sua operação, reduzindo custos com a contração de caminhões spot. Além disso, a simulação de cenários futuros permitiu a identificação de gargalos e a correta utilização de CAPEX.